Navigation Menu+

Baldur’s Gate

Posted on Jul 23, 2010 in AP&C

Minsc e Boo aprovam este AP&C

Neste episódio Paladino San e Ooze conversam sobre as aventuras e desventuras vividas no mundo virtual old school de Baldur’s Gate, as peripécias em Icewind Dale, como Forgotten Realms ficou mais bonito com Neverwinter Nights, como um traidor pode acabar com sua vontade de jogar e porque levar um pé na bunda é tão traumatizante.

Twitter dos apresentadores:
@Ooze
@Paladino_san

Links citados:
Avengers of Balduran
Ooze

Depois de ouvir, comente este episódio no TPK Brasil.

[relatedPosts]

15 Comments

  1. Salve povo,

    Apesar de alguns escorregões, foi ótimo ouvir e recordar lembranças dessas grandiosos jogos que vez por outra revisito até hoje, rsrs.

    BG1 era mais extenso que o BG2 em termos de áreas de jogo, mas a continuação é sem duvida mais rica em termos de historia (como não falaram de Jon Irenicus?), lugares a visitar e roleplay dos npcs (sem duvida a maior força da serie). Arqueiros são enormemente eficientes se usados no BG1, mas no 2 ja não fazem tanta diferença.

    Neverwinter poderia ser um jogo interessante, não fosse os fraquissimos npcs e a falta de uma trama mais cativante. As grandes diferenças dos Icewinds era que no 2 se podia começar com um grupo pre montado pelo computador (cada grupo tem seu nome inclusive) e usava regras da 3E. Não tinha npcs jogaveis nos 2 icewinds.

    • Realmente, a dinamica de grupo do BG1 e 2 dava o fell da coisa, já em NWN o single player era mais forte, ai vc ainda tinha aqueles merc's que vc contratava e eram os caras mais bizarros do mundo!

  2. Cara foi um prazer imenso gravar um podcast tão hilário e cheio de lembranças com o Ooze…espero que a galera goste. Paladino San

  3. Brenno voce tem razão as caneladas foram ás alturas porque eu e o San começamos a gravar como se fosse um papo de boteco mesmo, eu há muito não jogava e não me lembrava do nome de muitos personagens, Irenicus entre eles =(

    Mas valeu pelo comentário, espero que tenha ficado bom no geral.

    • Pois é, deram -se caneladas, mas o papo descontraido valeu bastante a pena de ouvir… Uma dica para você Ooze… Caso venha jogar de novo o BG1 ponha uns 2 ou 3 arqueiros no seu bando, pois eles são absurdamente potentes no jogo (da primeira vez so conegui vencer o Sarevock e seus tenentes no final por ter 3 arqueiros no grupo com flechas de acido e "bola de fogo").

      Espero por uma continuação falando de Torment, dos Neverwinter, Mith Drannor e Temple of Elemental Evil.

      • Ótima pedida, destes aí eu só não joguei muito o Torment.
        Até por isso ele não foi mencionado, apesar de anunciado #Canelada_Again

        Vou propor ao Paladino Badauí!

  4. Opa, preciso ouvir ainda. Só não digo que deveria ter me convidado porque foi um game que eu joguei pouco… hehehehehe! Brincadeira!

    O que me lembra, precisamos fazer um Godmode de rpg parte 2.

    T+

    • Paulo,
      vc já está convidado para um cross-over AP&C e Godmod para falar destes jogos!

  5. Argh! Tava ouvindo agora e descobri que ainda faltava 30 minutos no mp3 que baixei. Mas até o momento tava muito maneiro!

    Pra ser sincero nunca tive paciência de jogar nenhum dos jogos da série. Qualquer coisa mais demorada ou complicada que Diablo 1 pra mim era demais. Mas os jogos tiveram muito impacto no meu grupo, pq o resto da galera jogou bastante e deu boas ideias para outros jogadores mestrarem também! Lembro ao menos de dois jogos de Forgotten inspirados nos games, um deles de Icewind Dale.

  6. Eu também nunca tive muita paciência para jogos de computador. Nunca joguei Baldur's Gate ou Icewind Dale, apenas o Neverwinter Nights e mesmo assim o mais longe que cheguei foi terminar o 1º ato da expansão Shadows of Undrentide.

  7. Eu to jogando… bem aos poucos… a evolução de Baldur's Gate, que é Dragon Age (mesma produtora, a querida Bioware). Mas confesso que depois de Mass Effect e Fallout 3 eu fiquei exigente com rpgs. Gosto de action rpgs.

  8. Dae! O Podcast ficou show de bola! A verdade é que nós, jogadores de Baldur's Gate, gostamos de sofrer. É nisso que fiquei pensando depois de ouvir o cast, enquanto estou jogando Dragon Age (DA). Saber que cada decisão pode ser crucial para o andamento do jogo dá um (perdão) "cagaço foda" que te faz ficar muito apegado ao jogo e aos personagens. Em DA, você no fundo sabe que qualquer escolha acaba levando para o mesmo caminho. No máximo, você pode morrer para um inimigo mais poderoso e pegar o save para seguir adiante. Esse sofrimento faz a gente guardar cada coisa do jogo na memória como se tivesse acontecido em nossa vida. A traição do Yoshimo dói na pele rs. Ouvir a trilha de Baldur's traz o clima do jogo que é uma beleza. E meus miolos foram para o teto sempre que ouvia o Minsc nas vinhetas. Obrigada por nos fazer lembrar o quanto BG é bom! E, tio Ooze, pô, nem fez um jabázinho de nossas camisetas?! rs. Butt-Kicking for Goodness!!!

    • EU JURO que pensei Nisso qdo escolhi a trilha! Fui atras do Butt Kicking for Goodness exatamente pra isso!!! Chegou na hora eu si isquici… =(((
      Mas falamos do balduran e fica ali na cara do site né? Já dá uma ajudinha, poca vai…

      (Mas vai ter o volume 2 que falaremos de outros jogos e vou jabazear =*)

  9. Concordo muito com o primeiro post do Breno e principalmente com o post da Maíra.

    Baldur’s Gate realmente marcou minha vida. Sempre terei saudades quando ouvir Minsc e Boo e a trilha sonora. Resolvi matar a saudade um tempo atrás e comprei a série original (vai ser uma relíquia daqui há uns anos) para matar a saudade. Realmente a história do game é o que mais marca, as decisões que influenciam no jogo… como disse a Maíra, agente “vive” a história através do personagem criado.

    Quando joguei de novo, desde o BG1, tava meio enferrujado também. Porém, aos que gostam da história, os MODs (modificações do BG feito por fãs) são uma ótima sugestão.

    Ooze e Paladino San, nada mais justo que dar meu sinceros PARABÉNS e meu MUITO OBRIGADO por me fazer sentir aquelas velhas lembranças… 🙂

  10. porra mas é chuva de spoiler sem aviso nenhum! vou ter que parar de escutar antes dos dez minutos de podecast pq já rolou uns spoilers pesados!

Qual sua opinião? Comente!

RSS FeedAssine o RSS do AP&C e não perca nenhum episódio

Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE
%d bloggers like this: