Navigation Menu+

VTT #199.1: Direito do consumidor digital

Posted on Jul 16, 2014 in Vozes da Terceira Terra

Neste episódio de número 199.1, começamos a contagem regressiva pra a comemoração de 200 episódios e o fim merecido do Vozes da Terceira Terra!

Marcelo conversa com Felipe Mascarenhas (Por trás da Máscara) e Thiago Naves, advogado especializado em direito do consumidor, para responder a várias dúvidas sobre o que você pode e deve no mundo eletrônico do século 21.

[00:37] Apresentação dos convidados.
[03:14] Quando você compra gibis on-line, ele é seu?
[12:38] iTunes Store e os países.
[14:56] TV e serviços de “streaming”.
[18:52] Video games on-line.
[24:00] Comércio sem fronteiras.
[38:56] Proibir versus punir / impostos bizarros.
[44:19] Revender.
[48:22] Produto versus serviço.
[49:39] Entra o Lar do Consumidor.
[56:07] Encerramento.

Links citados:
Lar do Consumidor

Nosso e-mail é vozes@terceiraterra.com

A trilha sonora deste podcast é de cortesia do músico Marcos Kleine. Visite sua página: MarcosKleine.com.br

Episódio gravado em 18/01/2014.

10 Comments

  1. Pena que vai acabar =/

    • Sensação de se aproximar do final de um ótimo livro…

  2. Muito bom o papo e bastante esclarecedor. a transição de consumidores de produto para consumidores de serviços é uma das características mais evidentes deste mercado.

  3. Estou ouvindo mas para não perder a dúvida. Esses serviços de compra internacional como se você morasse no pais e te manda depois para o Brasil? Que “aluga” uma caixa postal extrangeira? Pode. Já que o tema foi esse me permita indicar o podcast Segurança Legal

    • Arquimago.
      Você está falando de serviços com Shipito?
      Meu entendimento (marginalmente legal) é que não é um serviço 100% correto, pois mesmo você alugando lá fora, é uma empresa que está te enviando, e em teoria, mesmo sendo só um re-despacho, o produto deveria ter o seu valor legal declarado, e portanto seria tributável.

  4. Quer dizer que, existem miniaturas que, compradas no exterior não pagam taxa de importação? Tem algum site que especifique esses casos e onde posso fazer esse tipo de compra?

    • Desculpe, Lucas, não sei a que parte da entrevista se refere.

    • Lucas, já comprei miniaturas na AMAZON e elas passaram ilesas pela receita. Minha SUSPEITA é que pela fato da WOTC fabricar as minis, ela acaba colocando ISBN que é a codificação internacional de livros, ai, a Amazon acaba declarando o produto como “livro” que é isento de impostos no brasil. Pelo fato de ser a AMAZON, a receita acredita no que ela coloca no invoice, e não faz vistoria física da encomenda.

  5. excelente episódio!
    estou esperando o lançamento do hemp cast

Qual sua opinião? Comente!

Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE
%d bloggers like this: