Navigation Menu+

Cartas de Fevereiro/09

Posted on Mar 2, 2009 in Vozes da Terceira Terra

Foto: Marcelo Dior


Como prometido, agora os comentários e-mails estão todos numa sessão exclusiva, uma sessão de cartas que cobre tudo o que recebemos ao longo do mês. Foram mais de quarenta comentários no website do podcast e também seis e-mails.

Também anunciamos algumas melhorias que ocorrerão no podcast a partir da semana que vem. Teremos uma nova faixa de abertura, os episódios sempre terão o mesmo tamanho geral, e criaremos uma sessão só para nosso papo off-topic.

Esperamos que este formato, com as cartas numa sessão só para elas, agrade você. Opine no tópico correspondente nos fóruns.

LINKS CITADOS:
RPG Club RP
Wushu RPG pelo Paulo Antunes
The Piazza
Birthright.net
Review do potal Spill.com do filme Star Wars: The Clone Wars
Trailer do filme de vampiro sueco “Deixa ela Entrar”

5 Comments

  1. Tem um livro (uma série na verdade) bem interessante que aborda este tema. O livro em questão é o “Leaves from the Inn of Last Home”. Este livro (com duas versões na época de AD&D e uma na 3.x) é um livro com 99% de flumph focado no mundo de Dragonlance. No conteúdo você encontra cantigas (com letra e partitura), panfletos, mapas da época e também uma sessão específica sobre culinária. Com certeza um dos principais destaques é a receita da “Ottik’s spiced pottatoes”, comida citada algumas vezes na saga de Dragonlance.

    Ottik, para quem não sabe era o taverneiro da “Inn of Lasthome” na cidade de Solace. Nesta taverna é onde a aventura, e o mundo de Dragonlance começa.

    Essa sessão deu fome!

  2. Terceiros terráqueos,

    Conheci o podcast hoje. Conheci e gostei. Contem comigo por aqui á partir de agora.

    Na história do meu grupo de jogo, as piadas geraram uma iguaria que pinta até hoje nas campanhas da galera a “Surpresa Élfica”, alguém se aventura a experimentar? 😀

    Outra coisa legal é que nos meus mundos de campanha eu tenho uma rede de tavernas que se chama O Cão Negro, onde a especialidade é o Cão Quente, um preparado de carne, batata e muitos outros temperos que se come com pão e é muito famoso na região! Virou lenda nas minhas campanhas!

  3. @ Nerdcore: Bela dica para o episódio sobre comida, o Rodolfo vai adorar saber. Vou procurar e ver se consta do catálogo da Saraiva.

    @ Cobbi: bem-vindo, Cobbi! Obrigado pela audiência. Tenho medo de perguntar o que é a Surpresa Élfica… em meus jogos de D&D eu sempre uso uma franquia interdimensional de tabernas, o Bar Esmeralda. Vou falar sobre ela em algum episódio.

  4. E aê, galera…
    Ow… Comecei a escutar vcs no começo do ano, não me lembro quando, e os conheci pelo rolando20. Aliás, o Daniel Anand ta mestrando uma aventura prum povo aqui em Campinas, e eu to nesse grupo (com um shaman).
    Bom… quando achei vcs, jah tinha uma pá de arquivos pra eu ver, e escolhi começar pelo Darksun, ravenloft e os dois de Cthulhu. Gostei muito, e resolvi ouvir tudo na ordem…
    Devo confessar que no começo não fui muito com o jeito do Marcelo… Sei lá… Me passava uma imagem de um cara chato que se achava um profundo conhecedor de tudo… Uma imagem meio arrogante… Mas o Rodolfo e o Netão são muito engraçados e me “incentivaram” a continuar ouvindo…
    Não sei o que aconteceu… mas já não tenho essa imagem do Marcelo 🙂
    agora acho que o cara é f*da, e que realmente conhece de muita coisa 🙂

    Mas ainda sim, acho o Netão e o Rodolfo muito engraçados…

    Bom… tinha pensado em ouvir de novo cada episódio e fazer comentários em cada um deles, mas to com preguiça.
    Achei muito bons os de Darksun e Ravenloft, e agora acabei de escutar as Cartas de Fevereiro. já ouvi todos os anteriores, e vou tentar ouvir os outros o mais rapido possivel, e tentar me manter atualizado…

    Eu ia fazer vários comentários juntos aqui, mas acabei me esquecendo de todos eles… Q m*rda…

    O único q eu me lembro agora é sobre o Mul de Darksun… Acabei de ler o livro “The Broken Blade”, que se passa em Athas, e é a continuação das histórias de Tribe of One. Nesse livro, é dito que que os muls não vem da união de anões e humanos, mas sim de experimentos mágicos bizarros, em que se pega o óvulo de uma humana e o fertiliza com sêmen de um anão, usanto técnicas mágicas bizarras. O óvulo fecundado é colocado, então, em uma humana, pois uma anã não consegue chegar ao final da gravidez, morrendo antes com a criança. No caso da mãe humana, ela morre durante o parto, e a criança é uma coisa grotesca, muito grande e forte.

    Bom… me desculpem se alguém já disse isso antes, pois eu ainda estou muito desatualizado.

    E, marcelo, me desculpe por não ter ido com sua cara no começo… Agora eu te acho bem divertido também, e vi que você não é arrogante como eu pensava.

    Bom… vou tentar comentar mais vezes por aqui, mas num sei se terei saco pra entrar no fórum… 🙂

    Até mais…

  5. Ah… esqueci de falar…
    to com dó de apagar os episódios antigos pra caber mais no meu MP3 player… então, assim que eu passar esses episódios pra algum cd/dvd/qualqueroutrolugar eu baixarei os mais novos pra ouvir…

    😀

Qual sua opinião? Comente!

Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE
%d bloggers like this: